PAPO DE HOMEM - CHUPEI UMA ROLA NO BANHEIRO DA RODOVIÁRIA

Um conto erótico de Fernando
Categoria: Homossexual
Data: 18/07/2014 19:45:46
Nota 6.67
Assuntos: Homossexual, Gay

Oi, pessoal. Eu me chamo José, tenho 14 anos, já disse isso pra vocês no meu outro conto: [casadoscontos.com.br/texto/]...

Eu vou contar pra vocês o que aconteceu hoje, por volta das 17h30min. Antes disso, eu estava em um banheiro público que tem na minha cidade, que fica perto de um bar, e todos os homens desse bar vai nele. É um banheiro sujo, sujo, sujo. Muito sujo todo melado de cocô nas paredes, cheiro de urina pra todo canto e tem uma privada lá, toda cheia de merda, pois é onde um monte de mendigo faz cocô... Eu amo ir lá, sabem por quê? Por que é nesse banheiro que dar pra ver váriaaaaas rolas gostosas, nem sempre são gostosas, mas são lindas, algumas. Aqui na minha cidade têm várias casas alugadas pra firmas de São Paulo e tal, e os homens que trabalham nessas firmas, vêm tudo pra esse bar, então... É um entra e saí de macho que só eu sei. É cada homem tão lindo, alguns feios, mas com altos volumes nas calças, e hoje tinha um lá... A coisa mais linda! Branquinho, alto, barba preta curta, com um volume estável na calça... Lindo, lindo, lindo, pena que era casado. Eu fiquei esperando ele entrar e nada. Mas entraram tantos homens, tantas rolas mijando, que eu pensei que eu estava no paraíso... O banheiro era sujo, já falei isso. E pra mijar era umas barrinhas na parede de cerâmica... Eu esperei algum “homem” entrar, vocês entenderam. Não entrou nenhum assim, o único que chegou mais perto, foi um que entrou, ficou do meu lado, tirou a rola pra fora e começou a conversar comigo assim:

- Muito sujo esse banheiro, né, mano?

Eu respondi olhando pro seu pau e depois olhei pra ele:

- É, cara. Muito sujo mesmo, aqui.

- Pois é... Acho que a prefeitura não deve saber que isso existe, por que né...

- É, kkkkkkkk.

Ele continuava mijando... Quando parou, ele foi até a porta do banheiro e fechou. Eu fiquei queimando de alegria por dentro, achando que ele era um “homem”, mas não... Ele chegou perto de mim e ficou mexendo na sua rola... Ele olhou pra mim e disse:

- Ei, cara. Me ajuda!

Eu fiquei olhando o pau dele e ele olhando o meu, que é pequeno por causa da minha idade. Eu respondi:

- Fala, mano.

Ele disse:

- Olha pro meu cacete! Você acha o que dele?

- Eu o acho normal, como qualquer outro pênis.

- Você o acha pequeno? Fino? Ou algo assim?

- Ah, cara.. É normal, grosso, com a cabeça rosada... Normal! Olha o meu...

Ele olhou pro meu e sorriu. Ele guardou a rola na calça e me apertou minha mão, e disse: “Valeu mano. Abraço!”. Eu fiquei muitooo feliz, vocês não têm idéia. Eu saí, por que já tava tarde. Fui embora. Eu tinha que pegar minha mãe na rodoviária de 17h30min, mas ela chegou lá mais cedo, e eu sou grato a isso. Quando cheguei à rodoviária, era umas 17h40min, e eu sentei lá, esperando o ônibus da minha mãe chegar, que já tinha chegado a tempo e ela já estava em casa. Eu sentei lá e vi que tinha uns caras bonitos, e um lá, que era pastor, muito, muito, muito feio. Não era nem ele que era tãaao feio, e sim o formato da sua cabeça, era triangular, que já viu “Phineas and Pherb” vai saber. Ele tinha um volume pequeno na calça de pastor, mas eu não sabia que ele era um “homem”. Eu fui pro banheiro, que também é sujo, não tanto quanto o outro, mas sujo. Todo cheio de xixi pelo chão e tal... Eu entrei no banheiro e logo em seguida ele entrou. Colocou sua bíblia na pia e começou a se olhar no espelho, tudo tapiando... Eu entrei em uma das cabines, coloquei meu capacete em cima, em um murinho que tem na divisa das cabines, e não fechei a porta, comecei a mijar. Eu fiquei mexendo na minha rola e ficava me virando pra ver ele e ele não tirava o olho de mim. Eu saí da cabine e deixei o capacete lá. Quando eu saí, ele entrou, e deixou a porta aberta. Eu lavei minhas mãos e voltei na cabine, pra pegar o capacete, e quando eu voltei, ele tava mexendo no seu cacete. Ele me ofereceu, pra eu pegar e tal... Eu comecei a brincar com aquele cacetezinho molinho, que era lindo, ao contrario do dono. Ele tava com medo de alguém entrar e nos ver, e eu disse baixinho: “Ninguém entra não”. Ele continuou com medo, por isso, guardou o pau e foi olhar se tinha alguém... Eu me sentei na privada e ele voltou, tirou a rola – que já estava dura – e eu comecei a chupar... O primeiro cacete que eu chupei, foi no outro conto, que eu já deixei o link ai em cima... Esse, não tinha gosto como o outro, e é estranho você chupar um pau e ele não ter gosto, principalmente esses que é circuncidado. Eu o coloquei mais perto, agarrei na sua bunda e comecei a empurrar seu corpo contra a minha boca... Ele deixou por uns segundos e tirou, pois estava com medo. Eu saí da cabine e fui fechar a porta do banheiro, pra ninguém entrar, mas ele disse não, pois alguém poderia desconfiar... Eu passei a mão pela calça dele e ele começou a me beijar na boca. Eu fiquei com nojo no começo, mas depois eu quis. Ficamos uns minutos nos beijando e esfregando nossos paus. Eu tirei meu pau e comecei a bater punheta, me esfregando na perna dele e ele gemendo. Ele tirou o pau dele da calça, eu continuei me esfregando em sua perna e ele começou a bater punheta. Eu gozei no pau dele. Ele lubrificou seu pau com a minha gala e depois me beijou. Eu pedi pra ele chupar meu pau, mas ele se recusou, pois era ativo. Eu chupei seu pau mais um pouquinho, cuspi dentro da boca dele e nos beijamos mais. Eu saí do banheiro satisfeito, pois meu aniversário foi ontem, e esse foi o melhor presente que Deus poderia ter me dado, rsrsrs. Espero reencontrá-lo um dia, pois estarei preparado com camisinhas pra fuder o cu dele e ele o meu. Hehe :D

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.

Online porn video at mobile phone


Contos eroticos a neta da vizinhaquero ver dois pauzudos de 90cm pegando uma casada e fazendo ela gritar e gemermulher branca nua com marquinha e boboletinha na bundaContos proibido bem novinhaXVídeos cara estrupando A Sementinhabaxinha cochuda casada vingando xvideosbrigas de mulheres bofinhocdzinhas contos reaisamon xvídioporno serena ali ta doendoContos eróticos curtos vó vendo cadela lambendo o pau do neto ZoofiliaVisinhas taradas ousadas rekatos eriticos recenteso que singnifica a palavra merstubanoconto erotico coroa buraco na paredepedreiro fode menina em cima do andaime pornôquero ver uma b***** maior gostinho de mulher da bunda grande coxudacontos eroticos de menias q deu seu cabaçinho bem novinhas por que sua obrigou a trepa com seu companheiro taradoconto erotico gay macho dominador gosta de maltratar viadogosano defro dotados.sexo pornosafada nao aguentou cu beromulheres endoidando com a pica do pai e puxa pro sexonovinhas ninfetas tao novas que nem peito tem aindavelhofudendocomsobrinhaContos eroticos gay que deu a primira vez e gritou de dorcontos eiroticos leilapornxvideos 2 min. transando coladinhos gozando muito escorrendo gozocorno eu confessoxvidio.com brasileras lambuzadas de leite condesadoporno doido teste en cascavelporno homem pelados balançando a pingola grandenegão caralhudo fudendo loira cinquentona de todo jeitoxnxx batendo uma para o marido coletâneamulher de shortinho jeans desfiadinho socado na ruagts de fio dentau mostrando ha bucetinha na webivideo porno a navinha criando corage a enfiar o pau do cavalo em sua bucetaVidios porno loirinha magra consegui colocar.um pau de 60m no cu xvidios.comconto tudo começou quando minha sobrinha de dez anos sentou no meu colonora safadas descobri que sogro tem a pica enormecontos de zoofilia com macaco bem dotadoContos eroticos dormindo,Contos eroticos a bucetona da mamae e a rolona gigante do papai e as gemeas video de prono doido com loiiraasascensorista pauzudopauzudosdesaojosedoscamposzd xvideo pau geande socando forte na coroa loira a forçamaiza e carolzinha trepanocontos eroticos vania minha meia irma 2como meu tio roludo e comedor comeu minha esposa novinha 1 contospeito,priquito enxuto e bundawww.encanador embaixo da pia mundobicha.comporno doido mesturbano ate gosa jato lesbicaporno caseiro amiga não acredito q o pau do meu marido é grande e pago pra verSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhamulher seca traza ate fazer ispuma na bucetacontos sexo gay chuléxvideo praguinha com pau grandecontos eroticos malv comendo as interesseiraSansão todinho nuaconto erotico mulher vira escrava sexial por chantagemcontos vi uma mulher cagandocontos mulheres casadas camareiro de hotelconto eurotico academia com o menino bundudox video contos feminizacaowww xvideo obezas fazendo sexo com ofilio.com.brXvideo anal mao levamtado a baroga50 tons de gizxxxxxvideosirmao come a irma dormindoxxx. irmã entra no quarto do irmão quando o irmão da ver xvideo faz com ele amei ven a filha e o filho ase fuderen e fode com elesfilmei escondido minha Mae dormindo de camisolinha e passei o pinto no cu dela e ela acordou realMeti+bem+gostozona+mia+netia+safada+que+me+deu+o+cuzio+conto+eroticoconto zoofilia papai eu e nossa cadelalipesonhador casa dos contos gayPasando com a cobra na cona Zoopornnezinho novinho de pau durinho xvideosxmnx/paguei aluguel com bucetapornomulheres que urináovídeo de mulher pelada mostrando a b***** tomando banho arreganhando e ficando de quatro fazendo altas posições massaamiga travesti - conto erotico tio cacetudo sublinho pau pequeno corno humilhado por noiva putinha contos cm fotosxvideo novinha transando com pones 2018Contos gay crentinho cabacinhovídeo pornô Sport segurando marido comendo o cuzinho da comadre a forçamulher com aberada da buceta toda esticada pra filha vermeu namorado quer fazer sexo comigo menstruada conto eroticocontoerotico eu namorada mae e tioFodendo com meu amigo Astrogildo contos eróticos eu em casa a sós com tio do meu maridocontos eroticos fode Frouxominhas condiçoes de corno contos eroticoe'ncoxada no metro