Sexo no ônibus

Um conto erótico de Cristiano Rufino
Categoria: Heterossexual
Data: 09/07/2013 20:22:09
Última revisão: 17/07/2013 18:14:16
Nota -

Tava foda de aturar. Tinha uma mina muito, MUITO gostosa sentada na última cadeira da última fileira do ônibus em que eu logicamente estava. Eu trabalhava de operador de telemarketing. E quem já trabalhou em call center sabe que a massante rotina é um prato cheio a um presságio de foda. Pois bem, era madrugada e la estava eu. Sozinho num ônibus apenas com o cobrador, motorista e aquela gostosa. Não pude evitar. Fui sentar ao lado dela. De inicio ela ficou me analisando com aquele típico olhar inquisidor feminino. Eu tava na minha. Então passaram-se uns 15 minutos e resolvo colocar minhas mãos levemente em seus joelhos. Ela nada fez. Ousei um pouco mais e nessa altura minhas mãos haviam subido para suas coxas (e que coxas!). Pude sentir aquele material carnudo roliço e altamente proporcional sendo apalpado por mim. Fiquei uns 3 minutos nessa. E ela de boa. Então como quem não quer nada o ônibus para num sinal vermelho. Acho que foi a primeira vez na minha vida em que eu gostei de ter parado num sinal vermelho. Eu e ela, coladinhos num sinal vermelho. Bom a beça. Sutilmente ela tira as minhas mãos de sua coxa. Fico desapontado, mas o melhor ainda estava por vir. Tirou minhas mãos e as colocou em sua xota. Isso! La estavam minhas mãos de punheteiro safado apalpando aquela xota que de vista aparentava ser bastante apetitosa e apertada. Isso amigos la estão minhas mãos por cima da xota (ainda coberta). O sinal abre junto ao zíper de sua calça que é aberto por mim. Um tarado. Ela nem ai, tranquilona. A coisa foi esquentando então eu meto minha mão direita por debaixo de sua calcinha. Que maneiro! Que sensação maravilhosa. E ela sempre quieta sem pronunciar nada assim como eu. Fiz um movimento de vai e vem naquela xota. Tava maneiro. Enfim ela me pergunta:

- Ta esperando o que?

Depois dessa eu só fiz tirar sua calça e me inclinar do jeito que dava até aquela linda xota. Lambi pra caralho. Realmente fiz um belo oral. Enquanto chupava sua buceta meus olhos iam de encontro aos seus lindos olhos azuis. Ela era uma loirinha de tirar o fôlego. Uma safada. Uma puta. E eu era o seu dono. O seu macho cafetão de quinta categoria. Terminei o oral e fui para os peitos. Belo par de tetas que pulavam conforme o ônibus passava por quebra-molas e ruas esburacadas. Em cada salto eu arrumava um jeito de abocanha-los.

- Isso taradão - dizia ela, - chupa mesmo essas tetas!

- Que delicia - afirmei. - As melhores tetas do mundo.

- Vem cá. - retrucou enquanto me puxava na direção de sua boca.

Meus lábios foram arrancados de suas tetas para entrar em contato com aqueles lábios vorazes de putinha de madrugada. Quer dizer, ela não era necessariamente uma puta. Era uma garota direita, mas não há de se negar que era uma putinha enrustida. E eu gosto de putas enrustidas. Onde estávamos? Ah sim, lábios. Beijei aqueles lábios com um tesão fodido, sempre indo no embalo do ônibus que volte e meia passava por algum buraco. As tetas continuavam pulando e aquele foi o melhor beijo da minha vida.

- Seguinte - afirmei. - Tenta chupar meu pau.

Fiquei rezando por outro sinal vermelho. Nada. Ela teria de me chupar naquele embalo mesmo.

- Baby tenta imaginar que nós estamos num cruzeiro. E essas trepidações são as ondas.

Ela riu e abocanhou meu pau. Que boca. Vi estrelas. Enquanto ela me chupava pude perceber que o cobrador toda hora virava pra trás. Ele tinha cara de encardido. Devia ta naquela merda emprego há seculos. Sabia que na madruga em ônibus a putaria rola solta. Mas não teria pra ele não. Quem mandou ser cobrador? Que se foda, aquela putinha era só minha.

- Que isso baby! - disse eu, - Assim vou gozar fácil. Da uma segurada.

Ela teve de tirar a boca do meu pau. Eu queria prolongar um pouco mais aquele inestimável prazer. Então, nos beijamos um pouco e nos bolinamos também. Então arrumei um jeito de tirar minhas calças e deitar sob as cadeiras, ela fez o mesmo, só que deitando por cima de mim é claro.

- Hum - gemeu. - Encaixou bacana.

- Isso vai ser legal! - disse eu.

E foi no balanço da maré do ônibus que nós metemos. Um vai e vem fodido, aquela era a única posição possível num ônibus. Bombei muito naquela xota. Estava acontecendo algo de realmente bom naquele ônibus. E o miserável do cobrador nada podia fazer, muito menos o motorista. Dois coitados tendo de trabalhar enquanto eu fodia aquela linda loirinha putinha. A garota queria saber mesmo era de pica, então tirou rapidinho meu pau super duro de sua xota e me deu uma mamada federal.

- Pra deixar ele correr melhor. - disse ela enquanto lambuçava o garoto.

Soltei um gemido e lhe enterrei o crânio contra minha piroca.

- Seguinte baby - gemi, - vou descer no próximo.

Ela nada disse, apenas continuou a mamar. Sua boca estava cobrindo completamente o meu pau, até que ela me faz um truque digno de prostituta. Com toda a sua boca na piroca ela de alguma maneira solta sua língua de lado lambendo as beiradas de minha pica. Gozei litros. Em seu queixo formou-se uma barba branca e eu subi minha calça, puxei a cordinha e meti o pé. Peguei o telefone dela e ando fodendo essa piranha constantemente no ônibus 232 sentido Lins, Rio de janeiro. E nem adianta você aparecer por la, pois assim como o motorista e o cobrador você ficará fazendo papel de figurante. Ou talvez você possa tentar a sorte num outro ônibus. Mas ai você teria de arrumar algum emprego noturno. E 90% dos empregos noturnos são de operador de telemarketing. Você não quer isso pra sua vida não é mesmo? Então se contente com o que tem e bata uma bronha lendo sobre a foda dos outros. Boa punheta!

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.

Online porn video at mobile phone


cheirei a bunda da gorda conto eroticopornodoido negao mendigo com branca grátisViadinho Aieee Contos Eroticosminina. bricandu con celula. caio na neti de calcinhamulher correu de dentro do motel escrito com a mão na barriga com negão machucou o útero delaprocuro um contos eróticos de pastor safado adora comer garoto novo da igrejaminha baba tava tao gostosa peada pornodoidomamei a rola do pirralhocontos erodicos com fotos descobri meu vo e viado e cornocarolzinhanasurubaergueno.a.sainha.da.fernandinha.e.meteno.a.picacutucando buceta de cadela com dedo zoofiliaxvedeo caseiro enpegada gostosavideos de mulheres lascano o cu ate sangra egritano muitocontos. de. dotado. enrabando. psicologa. no. consultorioconto erotico funk peladaconto erótico a esposagostosa do meu amigo q eu tiver que engana ele.pra poder comer elacontos eiroticos leilapornconto erotico esposa do pacotao .com shortinho pequenininhoereçao mstutina tio boy gsyvideos coroa brasileiro casada uza cosolo caseiropunhetamdo no cinema boafodaSodomizando mãe e filha contosvidios pono sohentePastora contos eroticocontos aiiiii hum aiaiacontos eiroticos leilaporncontos eiroticos leilaporncontos eroticos malv comendo as interesseiraContos eroticos esposa com pirralhosmuler bateno ua pueta pro homezooman contomulher da bunda grande d xorti curtoDuda senta na cabeça do pau do filho e dá uma reboladinhaWESLLEYWEST-CASA DOS CONTOS EROTICOSContos eroticos marido de pinto pequeno chama amigo roludo para esposa certinhacontos fudi a minha noraquero ver os de gravações de atrizes pornô que param de transar com dorgozando na entrada da bucetinha minúsculas de frango assado bem devagarHistorias erosticas baitola sendo enrabado pelo o padrasto e choraxvideos cu estalo rompendo as pregras fazendo barulhocontos eiroticos leilaporncontos meu amigo flagrou eu comendo minha tia e quiz tambemxvideo tariane a faxineira do meu predio dano pro moradormeu corno troxe um negão para me foder e tirou fotoscontos sexo anal concunhada concunhadocontos eroticos chantagiei minha tia e comi elapirocas enormes pornodoido garganta profunda imensas que fazem um estragomeninas bem novas sendo fudidas pelo o padrastocontos eróticos incestos fudendo a meia irmã filha do meu paivania varetao de cu foraconto erotico dom plug analcontos eiroticos leilapornpornobjssBroderagem contoschuppana a xana da negamamae grita com rola na bućeta peludacontos eroticos minha prima Gabrielaele sarou tanto q minha piriquita inxou conto eróticoxvidiomarisaXvideos batendo punhenta vendo gostosa de bucos na picinamassageando a bunda da mulher no ônibus devviagemcontos enrabei um cuzinho gostosovidro porno loirinha estava no quarto quando escuta algo na sala e quando vai ver flaga seu padrasto careca se mesturbando contos erótico meu padrasto me comeusexo anal hAaaaagato sarado transa com amiga gostosa ponodoidonovınha youtube rebolandoQuero dar minha buceta e meu cuzinho em um encontro casualcontos eróticos meu vizinho mamando leite do meu seioputohomem damdo o cu e rebolandocontos eroticos gloryholeprono doido morena predendo a gividade escadalocontos gay iniciadores de boys inocentes fotos gratisViadinho Aieee Contos Eroticosas mulheres bomba Dona gostosa sentando no pau do cara tem dinheiro carropoRNoesposa sendo enrrabada por dois garçons no banheiro da churrascariapais prende filha no quarto com irmão ele mete e gosa dentro da bucetaporno gay mundobicha namorados depois da briga vem a reconciliaçãoFotonovela porno ruiva malvada porno xxvideos meninas sentodo o cu em cima do pau mostando a bucetachego do serviço encontrar cunhado só de camisola e mete o paupunheteiras vadias sujas socandoxvideos biscate rachando o cu e a buceta com variosxvdnovinha nao aguentou tres negaoquero ver foto bucetao beicudas e hrandemulher bebada em teyvaestrupei minha irma na cama do nossos paisler relatos d velhos d pau gigantes q arrombaram asmulheresmulher ficou brava kid bengala arebetou vizinho dela xvidio video gta conaminha namorada