A primeira vez a gente nunca esquece

Um conto erótico de rickComedor
Categoria: Heterossexual
Data: 25/06/2011 22:12:22
Nota 10.00

Olá pessoal, meu nome é Ricardo, tenho 21 anos sou alto, branco e estou na média, nem gordo nem magro sou de classe média e moro em São Paulo. Sou muito fã do site, há pelo menos 2 anos venho acompanhando diversos contos que me deixam muito excitado, principalmente no que diz a respeito de incesto e primeira vez, já que geralmente esses contos contem protagonistas mais jovens. Vamos ao que interessa, o que vou descrever aqui é a minha primeira vez, sempre fui muito tímido, o que na maioria das vezes me atrapalha na hora da conquista, já peguei algumas minas em balada, amigas da minha irmã (que nunca percebeu que eu pegava as amiguinhas dela) que visitam a minha casa, algumas delas bem safadinhas porem não muito bonitas, mas já cheguei a masturbar algumas delas, levar boquete de outras, mas nunca passou disso.

Meus amigos e parentes varias vezes ficam zuando comigo me chamado de virgem e tal, embora eu sempre nego que sou (ou melhor era), sempre me falam que vão me levar a um puteiro e tal, mas nunca me levaram, até que um belo dia, os meus primos decidiram cumpri com o prometido e me levaram ao puteiro, fomos até uma rua famosa de São Paulo por ter varias casas de sexo, chegado lá entramos em uma casa que não estava muito boa, as minas não eram tão gostosas, fomos para outro e nesse sim eu gostei da minas que lá estavam, tinha em media 10 a 12 mulheres de toda idade desde 19 a 30 e tantos anos, varias gostosas embora tivesse algumas feias. Logo na chegada elas vieram nos receber, veio uma loira show de bola, mas já estava de esquema e acabou subindo pro quarto com um cara, mas por minha sorte quando eu entro vejo logo uma morena do jeito que eu gosto que estava se masturbando no sofá: novinha com 20 anos, de baixa estatura, bundinha bem redondinha, olhas verdes (lente), uma ninfeta muito gostosa, eu falei é essa mesmo que eu quero, chamei ela pra conversar e no meio da conversa ela começa a pegar no meu pau e falar coisas picantes, fiquei louco na hora, acertamos o valor do programa e subimos para o quarto. Chegando lá ela começa a tirar minha roupa, tirou a minha camiseta e foi descendo, tirou minha calça me deixando só de cueca, que não demorou muito pra ela tirar, quando ela baixa a cueca meu pau pula pra fora parecendo um mastro de tao duro que estava ela se espanta com ela e começa a passar a mão e brincar com ele, bate uma punheta e coloca na boca e começa a chupar o meu pau que mede 19 cm (embora não seja muito grande, ele tem uma cabeça avantajada) depois foi descendo pra minhas bolas e me punhetando, nossa aquilo era muito bom, nesse meio tempo fui tirando a pouca roupa dela, ficou só de calcinha na minha frente, já que estava com um top sem sutiã, comecei a chupar aqueles belos seios que eram medianos que na hora estavam bem durinho, acho que ela também estava com tesão na hora de tão duros que eles estavam, me apaixonei por eles, eram perfeitos. Tirei a sua calcinha fio dental e tive a melhor visão da minha vida, uma bucetinha toda raspadinha só pra mim, só de lembrar já estou de pau duro, ela pegou a camisinha e colocou com a boca no meu pau e se deitou de pernas aberta, entendi o recado e comecei a pincelar meu pau na entradinha da sua buceta apertada, forcei um pouco e vi o meu pau se enterrar naquela bucetinha linda, começei um vai e vem bem gostoso e a puta começou a dá uns gemidinhos que me deixava ainda mais louco, pedi para ela ficar de 4, ela prontamente atendeu e enfiei meu pau na sua xoxota por traz, foi ainda melhor do que na posição de perna aberta, fudi com tudo naquela bucetinha apertadinha, cada vez com mais força foi quando falei pra ela que iria gozar ela prontamente abocanhou o meu pau e engoliu tudo. Eu não me contive em dá só uma nessa gostosa em meu poder, não demorou 5 minutos o meu brinquedinho deu sinal de vida de novo, ai percebi que estava sem camisinha, ela pegou uma dela e novamente colocou no meu pau (não vou confiar em comer puta sem camisinha), deitei na cama e ela sentou em meu pau e começou a cavalgar bem gostoso, nossa aquilo era demais, apesar de só ter 20 aninhos ela era bem experiente no assunto, ficou cavalgando e eu pegando em seus peitinhos e dando tapinha e sua bunda gostosa, nisso sem eu esperar ela tem um orgasmo em meu pau, não esperava que iria fazer uma puta gozar logo na minha primeira transa, logo meu pau também dá sinal e gozo naquela bucetinha linda, depois disso fomos tomar banho juntinho colocamos a roupa e descemos para o salão onde estavam os meus primos que vieram comigo, foi a maior festa eles a chamaram para perguntar como eu me sai e ela disso que fui muito bem apesar das minhas poucas experiências.

Entao galera essa foi a minha primeira vez, espero que vocês tenho gostado e prometo voltar aqui para contar como foi o meu primeiro cuzinho. No próximo conto deixo o meu email para contato tambem, até breve.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.

Online porn video at mobile phone


porno negao fas muleca grintaconto erotico dei para um estranho na casa de swingxvideo caseiro mamae cortano grama de saia sem calcinhaconto incentivado da o cuzinho de calcinhapai t***** atola a rola no c* da colegial r*****xvideo madrasta sendo medecadatirei a virgindade da minha empregadaXvideo novinhas cubavasirmãzinha viu papai comendo titia e quis tambémxv homens encoxando em mulheres 2017titio disse que tenho vocação para corno e enfiou a.comrola na minha mulher contosconto bdsm usadacontos eroticos o filho da vizinha cheirando minha calcinhaler contos eroticos menagemulheres com bundão gozando formatacontos de sexo depilando a sograAliviando os funcionarios contos eróticosporno gey contos eroticos priminho inosenteConto erotico gay o bom filho a casa torna capitulo 10Tonhão transa com sua cadelaxvidos cumendo na iscolaestupro esposa contos eroticosapaixonado por dois brutamontes da faculdade 12Contoseroticosnegrinhacontos com fotos de donas de casa normais sendo fudidas por varios homens e muleques pintudosconto eróticos comendoa mulher doamigo a forçaxvidio flutuando de minisaiamulher entupida forçando para cagar sexocontoerotico namorada e mae putas do tio jorgesexo conto erotico semem embuchadaO doce nas suas veias - (Capitulo 2)-zdorovsreda.rucontos eiroticos leilaporncontos eroticos padre nao e homem o substitutoxvideos.menimas.14.taxado.a.fossaConto erotico sou madura e consolo lesbicaDona helga diario erotico incesto c fotosbucetad gtandes de velhmeu corninho deixou fuder com outro ainda me ajudou chupar a picona do meu machominha colega foi estuprada por tres piçudos e gozaram dentro delacontos so homens gemeos transandocontos franco e belinha zoofiliameu padrasto me comeudesejo de matar no onibus encoxadorProdroto meti pau dura na buceta da entiada dorminocontos incrstos a mudinhaContos incesto dei pro meu filho mesmo gravidamullheres fodem tarado apulso como vingancacontos erotico de puta querendo rolacontos corno bifui amarrada por um cara e forçada virgem a da pra varios cachorros conto eroticofilme porno chantagem com a sograRasguei a buceta da mendiga com a mao contoscontoseroticos-estuprada por 2 cachorros roludonovinha nao aguenta o pau do negao e chora pornordoidoxvideos hetero novinho curioso resolve se aliviar com gaycontoeroticos namorada rodadacontos e vidios homem casado na casa de massagem ė enrrabadocontos femdom spankver x vedeo comendo cu a fosa das novenhascontos eroticos a crente do grupo de senhorassexo tórrido de desejo e paixão com padrastocontos eiroticos leilapornpombagiragozadacoletania de negao socando ate o saco nas esposas gringas com vestidos pornovizinha Ritinha gemendo bem alto na minha varacontos eroticos titio flacou eu e meu primo na infanciafudendo a titia gostosona no varalbuctao tod c gazandporno.com negao levanta a saia da gostosa casada enfia até o saco surpresa pra o corninholer contos eroticos de padres reaissexo gostoso carinho nabucetinhaviagemgostosas da vunda durinha esfregando na lingua